Pesquisar
Ajuda para Pesquisa
Intranet
Enviar notícia por e-mailImprimir notíciaNotícias


       



Hospital Bom Jesus, de Taquara (RS), seguirá atendendo pacientes com câncer

12/01/2016 16:49:29

Fachada do prédio do TRF4
Fachada do prédio do TRF4
Fachada do prédio do TRF4


O Hospital Bom Jesus, de Taquara (RS), seguirá tratando os pacientes com câncer moradores dos municípios de Parobé, Igrejinha, Três Coroas, Rolante e Riozinho (Região do Vale do Paranhana). O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou recurso do estado do Rio Grande do Sul que requeria a suspensão do serviço.

A questão virou objeto de discussão judicial após o governo gaúcho suspender, em maio de 2015, o serviço oncológico que era prestado na instituição por uma clínica terceirizada, a Oncoprev, que também atendia aos pacientes do SUS sob custeio do estado.

O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou ação civil pública e obteve, no final de novembro, liminar da Justiça Federal de Novo Hamburgo (RS) determinando a manutenção do serviço privado e dando prazo até 15 de dezembro passado ao estado para apresentar o procedimento de habilitação do Hospital Bom Jesus como Unacon (Unidades de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia) junto ao Ministério da Saúde.

A decisão levou o governo gaúcho a recorrer ao tribunal pedindo a suspensão das medidas. O estado argumenta não ter verbas para seguir custeando os tratamentos. Quanto ao pedido de habilitação, sustenta que a instituição não tem condições de sediar uma Unacon por apresentar deficiências tanto nas instalações quanto em número de profissionais. Argumenta que faz dois anos que foram requeridos os ajustes para o credenciamento de um Unacon e que nada foi providenciado.

Após examinar o recurso, o desembargador federal Luiz Fernando Wowk Penteado, presidente do tribunal, entendeu que o atendimento pela Oncoprev é essencial e deve ser mantido até a habilitação do hospital junto ao Ministério da Saúde. Penteado, entretanto, suspendeu o prazo de encaminhamento de credenciamento do hospital como Unacon estabelecido em primeira instância. Segundo o desembargador, é preciso levar em consideração as razões apontadas pelo estado em relação às más condições da unidade de saúde, que precisará de maior tempo para ajustar-se.

 

Credenciamento

 

Para os hospitais serem credenciados como Unacons e poderem tratar pacientes com câncer pelo SUS, o Ministério da Saúde exige uma série de condições, tais como instalações físicas, equipamentos e recursos humanos adequados.

Como a região do Vale do Paranhna conta com mais de 200 mil habitantes, a Comissão Intergestores Bipartite do RS (CIB/RS) havia autorizado o funcionamento do serviço oncológico do Hospital Bom Jesus, de forma provisória, até que fosse examinada sua habilitação pelo Ministério da Saúde. Passados dois anos sem que o hospital fizesse as reformas necessárias para o pedido de credencial, o governo estadual decidiu suspender a autorização administrativa.

Conforme a legislação do SUS, as Comissões Intergestores pactuam a organização e o funcionamento das ações e serviços de saúde integrados em redes de atenção à saúde, sendo as Comissões Intergestores Bipartite (CIB), no âmbito dos estados, vinculadas às Secretarias Estaduais de Saúde para efeitos administrativos e operacionais.

 


5051658-04.2015.4.04.0000/TRF

» Todas as notícias







Notícias Relacionadas

27/04/2016
Pílula do câncer é destaque no programa Via Legal desta semana
O programa Via Legal que estreia hoje (27/4) na TV Justiça fala sobre a polêmica e...

15/04/2016
Seguro só é obrigado a quitar imóvel em casos de doença incapacitante do mutuário
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou, na última semana, o recurs...

15/01/2016
TRF4 confirma liminar que determinou fornecimento de medicamento a paciente com câncer no cérebro
O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) confirmou, em dezembro, liminar que dete...

Rua Otávio Francisco Caruso da Rocha, 300 - Bairro Praia de Belas - CEP 90010-395 - Porto Alegre (RS) - PABX (51) 3213 3000


INSTITUCIONAL
Competência e
Organização
Composição das Turmas, Seções e Corte Especial
Conciliação
Corregedoria Regional
Desembargadores Federais
Escola da Magistratura
Gestão Ambiental
Intranet
Juizados Especiais
Federais

Juízes Federais e Substitutos
Organograma
Sessões de Julgamento
Transparência Pública
Varas Federais
SERVIÇOS JUDICIAIS
Autenticidade de Certidão
Autenticidade de Documentos
Certidão (Regional e Eleitoral)
Composição das Turmas, Seções e Corte Especial
Consulta Argüições de Inconstitucionalidade do TRF4
Consulta Jurisprudência da TRU4 e Turmas Recursais
Consulta Jurisprudência do TRF4
Pautas de Julgamentos
Plantão Judiciário
Processos Distribuídos/Redistribuídos
Sob Medida
Súmulas da TRU4
Súmulas das Turmas Recursais
Súmulas do TRF4
Sustentação Oral e outros agendamentos
CONCURSOS E ESTÁGIOS
Juízes
Servidores
Estágios
COMPRAS E LICITAÇÕES
Cadastro de Fornecedores
Compras em andamento
Compras encerradas
Licitações aguardando abertura
Licitações em andamento
Contratos e Atas de Registro
Contratos
Relatórios de Gestão Fiscal
NOTÍCIAS E PUBLICAÇÕES
Últimas notícias
Diário Eletrônico
Avisos
TRF4TV
Jornal do TRF4
Revista do TRF4
Boletim Jurídico
Revista de Doutrina
CONTATOS
Endereços e Telefones
Perguntas Frequentes
Twitter
TRF4 no Facebook
Ouvidoria
Acesso à informação pública